Tomografia por emissão de pósitrons (PET), com FDG marcada com Fluor-18

Instruções

  • Orientações necessárias
  • I – Informações sobre o exame
  • – Primeiramente é feito um teste de glicemia capilar (ponta-de-dedo) para avaliar o nível sangüíneo de glicose do cliente. Dependendo do resultado, pode haver necessidade da administração de insulina ou de remarcação do exame. Após isso, administra-se o radiofármaco por via endovenosa e, após um intervalo, obtêm-se as imagens. O tempo total de permanência no Laboratório Itapetininga é de 3 horas e meia.
  • – Neste exame, é necessário que o cliente permaneça imóvel no aparelho cerca de 2 horas. Por esse motivo, recomenda-se que crianças menores de 5 anos de idade ou pessoas que não consigam colaborar realizem o exame sob anestesia.
  • – No caso de não haver colaboração do cliente, os exames agendados sem anestesia devem ser remarcados com anestesia.
  • II – Critérios de realização
  • – Este exame é realizado somente com solicitação médica.
  • – Menores de 18 anos devem estar acompanhados de um responsável legal.
  • – O limite de peso para a realização da cintilografia é de 175 kg.
  • – O procedimento não é feito em gestantes nem em mulheres que estejam amamentando.
  • – É necessário informar os exames de Medicina Nuclear realizados nos últimos 30 dias, para verificar a necessidade de aguardar algum intervalo de tempo antes desse exame.
  • – Devem ser apresentados resultados anteriores relacionados com a doença que motivou o pedido da avaliação, principalmente de exames de imagem, citológicos e anatomopatológicos e marcadores tumorais.
  • – O agendamento é realizado mediante o pagamento prévio do valor referente à dose do material radioativo, que o Laboratório Itapetininga encomenda especificamente para o cliente.
  • – Como o exame depende da produção e da entrega do radioindicador – um análogo da glicose marcado com flúor-18 (FDG-F18) – pelo Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), que é o único fornecedor disponível em São Paulo, a remarcação pode ser requerida nos casos de falha no fornecimento do produto. Da mesma forma, é possível que haja eventuais atrasos.
  • – O prazo máximo para desmarcar o exame sem perda do valor da dose é de 48 horas antes do dia agendado. Se o cancelamento for feito num prazo inferior a esse, uma nova dose será cobrada na remarcação do exame.
  • III – Preparo
  • – No jantar da véspera do exame, o cliente não deve ingerir refrigerantes, sucos de frutas e demais carboidratos (doces, massas, pães e frutas).
  • – Antes do exame, o cliente não pode praticar exercícios físicos.
  • – Recomenda-se levar roupas confortáveis, pois o exame é realizado em decúbito horizontal (deitado).
  • – Diabéticos têm de estar com a glicemia controlada para fazer o exame, ou seja, dentro dos níveis estabelecidos como ideais pelo clínico.
  • IV – Orientações para portadores de tumores de tiróide
  • – É necessário ter uma dosagem de TSH recente (de até uma semana) com valor igual ou superior a 30 mU/L. Para a obtenção deste valor, é necessária a suspensão dos hormônios tiroidianos em uso, sempre com a supervisão do médico assistente. O prazo de suspensão é de 25 dias para a levotiroxina (Euthyrox®, Levoid®, Puran T4®, Syntrhoid® e Tiroidin®) e de 15 dias para a L-triiodotironina.
  • V – Observações
  • – Para a investigação de alguns tipos de tumores, recomenda-se a realização de sondagem vesical com irrigação contínua. A utilização de tal procedimento depende da avaliação do médico do Setor de Medicina Nuclear do Laboratório Itapetininga, da aprovação do médico assistente e do próprio cliente.
  • Agendamento
  • Este exame deve ser agendado com antecedência.

  • Jejum
  • – Para todas as idades jejum mínimo necessário de 6 a 10 horas.

Agendamento

Precisa Agendar

Prazo de Entrega do Resultado

Em até 3 dias úteis (sem contar o sábado) às 18h



[ssba-buttons]